Dicas de segurança para você se proteger caso seu iPhone seja roubado

Tempo de leitura: 3 minutos

Dica 1: Coloque uma senha no seu CHIP

Muitas pessoas não sabem, mas é possível colocar uma senha no chip da operadora. E toda vez que trocar esse chip de aparelho ou religá-lo será necessário confirmar esse PIN. Para criar uma senha nova, vá em Ajustes › Celular › PIN do SIM. Cada operadora possui uma senha padrão do SIM que será necessário digitar para trocar por uma nova, caso você nunca a tenha modificado:

  • VIVO:8486
  • TIM:1010
  • Claro:3636
  • Oi:8888

Dica 2: Nunca configure seu próprio número como recuperação de contas

Diversos serviços e redes sociais permitem que você informe seu número de telefone para ser usado em caso de recuperação de conta. Facebook, Twitter, Instagram, todos eles acabam fazendo a validação via SMS, o que deixa a conta completamente vulnerável quando não é mais você que tem acesso ao número de telefone.

O ideal é que você sempre configure outro tipo de confirmação ou coloque outro número de confiança que não seja o seu. De preferência alguém que more com você, como o cônjuge ou um familiar. Assim, se roubarem o seu número, os avisos de recuperação não chegarão nele.

Dica 3: Ative sempre a Autenticação de Dois Fatores

A Autenticação de Dois Fatores é uma camada extra de segurança que a Apple disponibiliza na conta do iCloud. Com ela, ao iniciar sessão em um dispositivo pela primeira vez, você precisará fornecer duas informações: a senha e o código de verificação de seis dígitos que é exibido automaticamente nos dispositivos confiáveis. Ou seja, se o ladrão não souber da senha, não consegue entrar na conta.

Nesta página da Apple você tem todas as instruções para ativar na sua conta.

Ah, e ative o mesmo tipo de processo em todas as suas contas de e-mail e redes sociais.

Dica 4: Não acredite em mensagens recebidas

Quando um assalto desses acontece, a vítima procura sempre cancelar a linha em determinado momento e depois ir na operadora e buscar um chip novo e, como acontece na maioria dos casos, pedir o mesmo número da linha de volta. É muito ruim trocar de número de celular, pois todos os seus amigos de anos já possuem o seu número. Toda a sua agenda possui aquele número antigo.

Caso opte pela reativação da mesma linha e os bandidos ainda não tenham conseguido acessar a sua conta do iCloud, provavelmente vai começar a receber mensagens por SMS ou via WhatsApp fingindo ser da polícia ou do suporte da Apple dizendo que seu telefone foi encontrado e que para descobrir sua localização é necessário entrar com o login e senha do iCloud, o chamado Phishing.

 

Nunca acredite neste tipo de mensagem. A Apple não entrará em contato com você, e mesmo se entrar, não será por WhatsApp.

Dica 5: Coloque uma senha forte no seu aparelho

Já foi comentado aqui no BDI sobre a importância de não colocar apenas uma senha de 4 ou 6 números para desbloquear seu aparelho, pois existem já equipamentos capazes de descobrir estes códigos em questão de minutos ou horas. Apesar da Apple sempre estar lutando contra isso e já ter implementado no iOS 11.4.1 uma proteção a mais, é sempre bom nos prevenirmos o máximo possível.

Por isso, crie uma senha alfanumérica (letras e números), que seja fácil de lembrar para você mas não pelos bandidos. Nada óbvio, naturalmente.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *